[1]
Carvalho, J.B. 2020. Tragédia e redenção da personagem da mãe-escrava: uma análise comparativa de Mãe, de José de Alencar, e Cancros Sociais, de Maria Angélica Ribeiro. Opiniães. 17 (dez. 2020), 575-596. DOI:https://doi.org/10.11606/issn.2525-8133.opiniaes.2020.173189.