A história recente de relações públicas na Espanha

Autores

  • Maria-Rosa Collell Universidade de Girona
  • Jordi Xifra Universitat Pompeu Fabra. Department of Communicatio

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2016.139318

Palavras-chave:

Espanha. História. Democracia. Prática de relações públicas. Relações midiáticas.

Resumo

Este artigo apresenta um estudo exploratório sobre o estado da arte das relações públicas na Espanha, com base em indicadores utilizados no estudo conhecido como The global public relations handbook (2009). Isso significa uma abordagem cultural das relações públicas espanholas de hoje. Sob esse ponto de vista mostramos que a Espanha é um país que sofreu uma mudança radical, de uma ditadura para um dos sistemas mais democráticos do mundo, transformando substancialmente o seu sistema econômico, a sua cultura e sua sociedade. Esta transformação teve consequências fundamentais sobre a prática de relações públicas, porque as relações públicas tratam da liberdade de expressão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria-Rosa Collell, Universidade de Girona

Lecturer at the University of Girona (Spain). PhD on Protocol and Business Etiquette at the University of Malaga. She has written books on corporate protocol and manners and articles on the same subject. Her other research interests cover public relations history. She has published articles on the history of PR in Public Relations Review.

Jordi Xifra, Universitat Pompeu Fabra. Department of Communicatio

Professor at the Department of Communication of Universitat Pompeu Fabra (Barcelona). He teaches public relations and is director of the Advertising and Public Relations studies. Member of the UPF Research group on think tanks and co-editor of Public Relations Inquiry. He has published more than 10 books and book chapters on public relations and more than 30 articles about the same subject in academic journals.

Downloads

Publicado

2016-06-11