A gestão das relações públicas internacionais na crise da Volkswagen

Autores

  • Amaya Arribas Universidad de los Hemisferios

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2016.139327

Palavras-chave:

Volkswagen. Crise. Relações públicas. Estratégia. Ética.

Resumo

A crise da empresa automobilística Volkswagen com a falsificação dos resultados nos testes das emissões dos seus carros está tendo consequências históricas em sua reputação internacional, sendo a gestão das relações públicas um exemplo de sua frágil estratégia de comunicação. Neste texto se descrevem e analisam as atividades da comunicação da Volkswagen e se faz uma proposta de como deveriam ter sido trabalhadas as relações públicas da marca diante dessa crise de magnitude internacional.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Amaya Arribas, Universidad de los Hemisferios

Doctora en Ciencias de la Información por la Universidad del País Vasco (UPV), España. Maestra en Dirección de Comunicación Institucional y Empresarial por la Universidad Autónoma de Barcelona (UAB), España. Licenciada en Ciencias de la Información por la UPV. Profesora-investigadora en la Universidad de los Hemisferios (UDHL), Ecuador.

Publicado

2016-06-11