Aspectos críticos para a compreensão da lógica estratégica no relacionamento entre organizações e comunidades

Autores

  • Márcio Simeone Henriques Universidade Federal de Minas Gerais. Departamento de Comunicação Social

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2017.139354

Palavras-chave:

Relações Públicas • Comunidades • Organizações • Estratégia.

Resumo

A visão das organizações sobre os públicos a que denominam “comunidades” tece uma lógica complexa onde entram em jogo alguns aspectos estratégicos que naturalizam a noção de comunidade, projetam e fazem emergir uma comunidade que se afirma no espaço público (de visibilidade), reduzem os múltiplos eixos de ação dos públicos locais e criam uma repartição dos interesses. Esses movimentos geram ambiguidades a partir das quais as tensões e os conflitos com este conjunto de públicos podem ser evidenciados e examinados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcio Simeone Henriques, Universidade Federal de Minas Gerais. Departamento de Comunicação Social

Pós-doutor pela Universidade Nova de Lisboa, Portugal, com bolsa da Capes. Doutor em Comunicação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Educação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professor do Departamento de Comunicação Social da UFMG.

Downloads

Publicado

2017-09-13