Violência, paz e pesquisa para a paz

Autores

  • Johan Galtung International Peace Research Institute, Oslo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2238-2593.organicom.2018.150546

Palavras-chave:

Pesquisa para paz, Paz, Violência, Estudos para a paz

Resumo

Em sua trajetória como campo científico, a peace research ou “pesquisa para a paz” reconhece que definir “paz” é, de fato, uma parte importante de uma estratégia científica. Dessa forma, tem se dedicado a conceituar paz de forma ampla, dialógica e complexa, tal como diverso e complexo é o mundo. Do mesmo modo, conceituar a violência se torna tarefa igualmente complexa, uma vez que, mais importante do que chegar a uma definição ou a tipologias – pois há, obviamente, muitos tipos de violência –, indicar dimensões teoricamente significativas de violência é, efetivamente, fundamental, posto que pode nos levar a pensar, pesquisar e, potencialmente, agir diante dos problemas mais graves da humanidade. Se a peace action deve ser considerada porque é uma ação contra a violência, então o conceito de violência deve ser amplo o suficiente para incluir as variedades mais significativas e, além disso, deve ser específico o bastante para servir de base para uma ação concreta. Nessa perspectiva, este artigo pretende apresentar uma reflexão teórico-conceitual sobre paz e violência no contexto da perspectiva crítica dos estudos para a paz (peace studies).

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Johan Galtung, International Peace Research Institute, Oslo

• Founder of International Peace Research Institute, Oslo
• Principalfounder of Peace and Conflict Studies
• Founder of Transcend University Press
• Author of “A structural theory of Imperialism”, Journal of Peace Research, v. 8, n. 2, p. 81, 1971; Peace by peaceful means: peace and conflict, development and civilization, Oslo: International Peace Research Institute, 1996; Violencia cultural, Gernika-Lumo: Gernika Gogoratuz Centro de Investigación por la Paz, 2003, n. 14 (Spanish edition); 50 Years – 100 peace & conflict perspectives, Grenzach-Whylen: Transcend University Press, 2008; Theory of conflict – Overcoming direct violence, Grenzach-Whylen: Transcend University Press, 2010; and other publications.

Downloads

Publicado

2018-09-24