Pode-se Planejar a Paisagem?

Autores

  • Paulo R. M. Pellegrino Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. Departamento de Projeto

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2359-5361.v0i13p159-179

Resumo

A aplicação dos princípios da ecologia da paisagem no planejamento e projeto paisagístico pode integrar esquematicamente todas as dimensões na paisagem que são espacialmente explícitas, como a cultural, estética e socioeconômica com a dimensão ambiental. Estes princípios oferecem uma teoria e uma evidência empírica para o entendimento e comparação entre diferentes configurações espaciais, que nos permite enfrentar a questão central: qual é o arranjo ótimo do uso do solo numa paisagem?

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo R. M. Pellegrino, Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. Departamento de Projeto

Arquiteto-paisagista, professor doutor junto ao grupo de disciplinas Paisagem e Ambiente do Departamento de Projeto da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAUUSP

Downloads

Publicado

2000-12-10

Como Citar

Pellegrino, P. R. M. (2000). Pode-se Planejar a Paisagem?. Paisagem E Ambiente, (13), 159-179. https://doi.org/10.11606/issn.2359-5361.v0i13p159-179

Edição

Seção

Ambiente