Paisagem e estratégias na patrimonialização da cultura material e da natureza na Serra da Capivara-PI

Palavras-chave: Paisagem, Patrimônio, Arqueologia, Natureza

Resumo

Este artigo percorre os campos do patrimônio cultural, proteção do meio ambiente e arqueologia para tratar a paisagem e os sítios arqueológicos e compreender suas concepções e práticas, tendo como estudo de caso a patrimonialização da Serra da Capivara. Em uma abordagem mais ampla, destacamos os significados atribuídos à paisagem nas narrativas patrimoniais brasileiras desde a instituição da preservação do patrimônio. Em uma abordagem restrita ao tema, estudamos as narrativas usadas na proteção e na gestão da Serra da Capivara. Revisão bibliográfica e análise das narrativas patrimoniais em documentos públicos, ancoradas em noção polissêmica de paisagem, permitem observar uma tensão entre duas perspectivas de argumentos que a justificam. Por um lado, a perspectiva que considera o homem integrado à natureza, como elemento interativo e, de outro, a perspectiva que considera o homem separado da natureza.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diva Maria Freire Figueiredo, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ambiente Construído e patrimônio Sustentável. Universidade Federal de Minas Gerais

Myriam Bahia Lopes, Universidade Federal de Minas Gerais

Professora orientadora do Programa de Pós-Graduação em Ambiente Construído e patrimônio Sustentável. Universidade Federal de Minas Gerais.

Referências

BAIÃO FILHO, Luiz Gonzaga. Parque Nacional Serra da Capivara e Gestação Interdisciplinar das Narrativas do Patrimônio Cultural. Clio, Recife, n. 31.1, p. 1-15, 2013. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/revistaclio/article/download/24426/19765. Acesso em: 18 mai. 2018.

BORGES, Jóina Freitas; SANTANA, Jaime de. Sociedade, Arqueologia e Patrimônio: As relações de pertencimento da Comunidade Zabelê com a área arqueológica do Parque Nacional Serra da Capivara (PNSC). História Unicap, v. 2, n. 3, p.108-121, 2015. Disponível em: http://www.unicap.br/ojs/index.php/historia/article/view/579/504. Acesso em: 17 mai. 2018. https://doi.org/10.25247/hu.2015.v2n3.pp.%20108-121

BRASIL. Ministério da Cultura. Decreto-lei 25 de 30 de novembro de 1937. Organiza a proteção do patrimônio histórico e artístico nacional. Brasília, DF: Iphan, 1937. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/legislacao/Decreto_no_25_de_30_de_novembro_de_1937.pdf. Acesso em: 18 mai. 2018.

BRASIL. Ministério da Cultura. Lei 3924, de 26 de julho de 1961. Dispõe sobre os monumentos arqueológicos e pré-históricos. Brasília, DF: Iphan, 1961. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/legislacao/Lei_3924_de_26_de_julho_de_1961.pdf. Acesso em: 18 mai. 2018.

BRASIL. Ministério do Meio Ambiente. SNUC – Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza. Brasília, DF: MMA/SBF, 2011. Disponível em: http://www.mma.gov.br/images/arquivos/areas_protegidas/snuc/Livro%20SNUC%20PNAP.pdf. Acesso em: 21 mai. 2018.

CAUQUELIN, Anne. A invenção da paisagem. Tradução de Marcos Marcionilo. São Paulo: Martins Fontes, 2007. (Coleção Todas as Artes). 196p.

Convenção Europeia da Paisagem - CEP. Feita em Florença em 20 de Outubro de 2000. In Decreto n.º 4/2005. Portugal, Gabinete de Documentação e Direito Comparado, 2005. Disponível em: file:///C:/Users/Diva/Downloads/Convenc%CC%A7a%CC%83o%20Europeia%20da%20Paisagem%20-%202000-convencao_europeia_da_paisagem-conselho_da_europa.pdf%20(3).pdf. Acesso em: 25 dez. 2019.

CORBIN, Alain. L’homme dans le paysage. Paris: Les éditions Textuel, 2001.

CORRÊA, Dora Shellard. História ambiental e a paisagem. HALAC, vol. 2, n. 1, p. 47-69, 2013. Belo Horizonte,. Disponível em: http://www.halacsolcha.org/index.php/halac/article/download/187/182/. Acesso em: 05 abr. 2019.

FREIRE, Neison C. F. et al. Mapeamento e Análise Espectro-Temporal das Unidades de Conservação de Proteção Integral da Administração Federal do Bioma Caatinga: Parque Nacional Serra da Capivara – Relatório Parcial da Pesquisa. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2017. Disponível em: Https://www.fundaj.gov.br/images/stories/cieg/atlas_caatinga/compressed_cap8parnaperuacucaatingafundaj. compressed-min.pdf. Acesso em: 20 mai. 2018.

GONÇALVES, José Reginaldo dos Santos. A retórica da perda: os discursos do patrimônio cultural no Brasil. Rio de Janeiro: Editora UFRJ; Iphan, 1996.

INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL-IPHAN. Paisagem Cultural. Brasília, DF: Depam, 2009. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/Livreto_paisagem_cultural.pdf. Acesso em: 10 jun. 2019

INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL - IPHAN. Processo de Tombamento da Serra da Capivara. v.1. Arquivo Central IPHAN, Seção Rio de Janeiro, 1992. Processo de Tombamento nº 1.322 - T- 92. Documentação abrangendo o período de 1990-1993. 1992a.

INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL - IPHAN. Processo de Tombamento da Serra da Capivara. v. 2. Arquivo Central IPHAN, Seção Rio de Janeiro, 1992. Processo de Tombamento nº 1.322 - T- 92. Documentação abrangendo o período de 1990-1993. 1992b.

INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO NACIONAL - IPHAN. Processo de Tombamento da Serra da Capivara. Anexo 1. Arquivo Central IPHAN, Seção Rio de Janeiro, 1992. Processo de Tombamento nº 1.322 - T- 92. Documentação abrangendo o período de 1990-1993. 1992c.

KNAPP, Bernard; ASHMORE, Wendy. Archaeological landscapes: constructed, conceptualized, ideational. In ASHMORE, Wendy; KNAPP, Bernard. Archaeologies of Landscape: contemporary perspectives. Massachussets and Oxford: Blackwell, 1999, p. 1-30. Disponível em: https://www.academia.edu/5271922/Archaeological_Landscapes_Constructed_Conceptualized_Ideational_A._ Bernard_Knapp_and_Wendy_Ashmore_1999_. Acesso em: 24 jan. 2019.

Lino, Jaisson Teixeira. A arqueologia da paisagem como enfoque teórico para o estudo arqueológico da guerra do Contestado. Revista Tempos Acadêmicos, Criciúma, n. 10, p. 58-67, 2012. Disponível em: http://periodicos.unesc.net/historia/article/download/1110/1069. Acesso em: 23 fev. 2019.

MEYER, Mônica. Ser-tão-natureza: a natureza em Guimarães Rosa. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2008.

PESSIS, Anne Marie. Imagens da Pré-História. 2 ed. São Raimundo Nonato: Fumdham, 2013.

Pessis, Anne Marie; Martim, Gabriela; GUIDON, Niède. Tema1- Ambiente e paleoambiente na região do Parque Nacional. In: Anne Marie Pessis, Gabriela Martim, Niède Guidon (orgs.) Os Biomas e as sociedades humanas na pré-história da região do Parque Nacional Serra da Capivara. v. 2 A. São Paulo: A&A Comunicação, 2014. p. 55-56.

PROUS, André. Arqueologia brasileira. Brasília, DF: Editora Universidade de Brasília, 1992.

REIS, José Alberione dos. Não Pensa muito que dói: um palimpsesto sobre a teoria na arqueologia brasileira. Tese (Doutorado em História) – Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2004. Disponível em: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/280834. Acesso em: 10 mar. 2019.

RIBEIRO, Rafael Winter. Paisagem cultural e patrimônio. Rio de Janeiro: Iphan: Copedoc, 2007. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/publicacao/SerPesDoc1_Paisagem-Cultural_m.pdf. Acesso em: 17 jul 2018.

RIBEIRO, Rafael Winter. Um conceito, várias visões: paisagem cultural e a UNESCO. In: CATRIOTA, Leonardo Barci; MONGELLI, Mônica Medeiros (org.). Colóquio Ibero -americano Paisagem Cultural, Patrimônio e Projeto.1., 2010, Belo Horizonte. Anais [ …] n.6, v. 1. Brasília, DF: Iphan; Belo Horizonte, MG: IEDS, 2017, p. 29-50. Disponível em: http://portal.iphan.gov.br/uploads/publicacao/anaispaisagemculturalweb_2. pdf. Acesso em: 18 jul. 2019.

SERRA da Capivara. Direção: Edson Fogaça. Produção: Renan Montenegro. Produção executiva: Rodoferrô. Direção de fotografia: Patrícia Sardá. Roteiro: Edson Fogaça. Trilha sonora: Hamilton Pinheiro. [S. l.]: Representação da UNESCO no Brasil. 2013.40 min. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=9576H-X39J8&feature=youtu. be. Acesso em: 16 mai. 2018.

UNITED NATIONS, EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION-UNESCO. Operational Guidelines for the implementation of the World Heritage Convention. Paris: World Heritage Centre, 1980. Disponível em: http://whc.unesco.org/archive/opguide80. pdf. Acesso em: 15 jun. 2018.

UNITED NATIONS, EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION-UNESCO. Cultural Landscape, History and Terminology. Paris: World Heritage Centre, 1992. Disponível em: https://whc.unesco.org/en/culturallandscape/#1. Acesso em: 15 jun. 2018.

UNITED NATIONS, EDUCATIONAL, SCIENTIFIC AND CULTURAL ORGANIZATION-UNESCO. Operational Guidelines for the implementation of the World Heritage Convention. Paris: World Heritage Centre, 2008. Disponível em: https://whc.unesco.org/archive/opguide08-en.pdf#annex1. Acesso em: 15 jun. 2018.

Publicado
2019-11-27
Como Citar
Figueiredo, D. M., & Lopes, M. (2019). Paisagem e estratégias na patrimonialização da cultura material e da natureza na Serra da Capivara-PI. Paisagem E Ambiente, 30(44), 161105. https://doi.org/10.11606/issn.2359-5361.paam.2019.161105
Seção
História e Paisagem