How Brazilian students conceptualize the experience of learning German for academic purposes

Autores

  • Luciane Corrêa Ferreira Universidade Federal de Minas Gerais. Faculdade de Letras

DOI:

https://doi.org/10.11606/1982-88371928124

Palavras-chave:

Linguística cognitiva, Linguística Aplicada, alemão para fins acadêmicos

Resumo

Este estudo tem como objetivo investigar como aprendizes de língua estrangeira no programa de Alemão para Fins Acadêmicos (AFA) em uma universidade federal brasileira interagem em sua língua materna sobre suas motivações para aprender uma língua estrangeira, bem como sua motivação para participar de programas de intercâmbio. Os dados foram coletados usando a metodologia de grupo focal com três grupos de seis estudantes cada (níveis A1, A2 e B1). Analisamos o grupo de A1. Conduzimos uma análise do discurso à luz da metáfora nos dados para examinar as metáforas e metonímias que surgiram nas interações dos grupos focais. Pudemos identificar a presença de metáforas sistemáticas como aprendizagem é trabalho duro e aprendizagem é pular barreiras, imbricadas com metáforas conceptuais como educação é uma viagem e dificuldades são peso, que apontam para a motivação de aprendizagem verbalizada pelos participantes desse estudo

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-08-16

Como Citar

FERREIRA, L. C. How Brazilian students conceptualize the experience of learning German for academic purposes. Pandaemonium Germanicum, São Paulo, v. 19, n. 28, p. 124-152, 2016. DOI: 10.11606/1982-88371928124. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/pg/article/view/119176. Acesso em: 6 dez. 2021.

Edição

Seção

Nao definida