CLIL em alemão no Brasil e a competência de leitura dos graduandos em Letras/Alemão

Autores

  • Marina Grilli Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/1982-8837223848

Palavras-chave:

ensino bilíngue, CLIL, ensino universitário de ALE, ALE no Brasil, competência de leitura

Resumo

Este artigo discute o papel em potencial do Ensino Integrado de Língua e Conteúdo (CLIL) na graduação em Letras/Alemão. No Brasil, muitos estudantes iniciam a graduação sem conhecimento prévio da língua alemã, e é sempre um desafio melhorar suas habilidades de leitura em cinco semestres de ensino de idiomas, ao menos até o nível B1. A pesquisa empírica parte da hipótese de que frequentar uma disciplina CLIL pode auxiliar os alunos a melhorar sua competência de leitura em alemão. Para tanto, examinou-se a competência de leitura de estudantes de Letras/Alemão em uma universidade brasileira. Após a categorização de seus erros, foram definidos os fatores que podem ter levado à melhoria da alfabetização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-06-13

Como Citar

GRILLI, M. CLIL em alemão no Brasil e a competência de leitura dos graduandos em Letras/Alemão. Pandaemonium Germanicum, São Paulo, v. 22, n. 38, p. 48-74, 2019. DOI: 10.11606/1982-8837223848. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/pg/article/view/158859. Acesso em: 22 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos