Atividades didáticas de ensino de alemão em contexto remoto emergencial: análise do poder e propostas de ação para a reflexão crítica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/1982-8837254764

Palavras-chave:

Livro didático, Ensino Remoto Emergencial, Poder, Ensino e aprendizagem de alemão, Aprendizagem crítica de língua

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar uma cartografia das relações de poder na perspectiva foucaultiana envolvidas no contexto de ensino e aprendizagem de Alemão como Língua Estrangeira (ALE), aprofundando-a ao levar em consideração os impactos da pandemia de Covid-19. Nesse sentido, propomos uma reflexão a respeito do uso de materiais criados para a modalidade de aulas presenciais e os desafios para docentes e discentes na adaptação do mesmo para o uso nas aulas remotas (Rocha, Deusdará, Arantes, 2020). Para tal, desenvolvemos uma análise de atividades selecionadas de livros didáticos largamente utilizados em cursos de alemão no Brasil e, a partir dessa análise, apresentaremos nossas propostas de adaptação desses materiais a fim de fomentar a criticidade utilizando-se o referencial da Análise do Discurso e do poder (Foucault, [1979], 2003). 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMATO, Laura Janaina Dias. Aspectos interculturais no ensino de alemão como língua estrangeira: uma análise de livros didático. 01/06/2005 200 f. Mestrado em LETRAS Instituição de Ensino: UFPR, CURITIBA Biblioteca Depositária: Biblioteca do setor de ciências humanas, letras e artes.

ARANTES, Poliana. C. C. Imagens de aprendizes de ALE em livros diáticos e o disciplinamento dos saberes. Pandaemonium Germanicum, v. 21, n. 34, 1-30, 2018.

ARANTES, Poliana, C.C.; GIORGI, Maria Cristina. Linguística no Ensino de Alemão como Língua Estrangeira: análise da questão étnico-racial e suas dimensões políticas no Livro Didático. In: DEUSDARA, Bruno; ROCHA, Décio; RODRIGUES, Isabel; ARANTES, Poliana; PESSOA, Morgana. Em discurso: cenas possíveis. Rio de Janeiro: Cartolina, 2018, 85-104.

ARANTES. P. C. C.; FAVACHO CASPARY, R. L.; MARTINS, J. S.; RIBEIRO, L.; JUNIOR, R. Considerações sobre a utilização didática de textos midiáticos em língua alemã. In: III Congresso da ABEG, 2016, São Paulo. Ensino de Alemão em contexto universitário: modelos de curso e públicos-alvo, 2016.

BOHUNOVSKY, Ruth. O ensino de línguas estrangeiras no Brasil e a “compreensão do estrangeiro”: o papel da tradução. Horizontes de Linguística Aplicada, v. 8, n. 2, 170-184, 2009.

BOLOGNINI, Carmen Zink. Livro didático: cartão postal do país onde se fala a língua-alvo? Trabalhos de Linguística Aplicada, v. 17, 43-56, 1991.

DEUSDARA, Bruno; GIORGI, Maria Cristina. Práticas de Linguagem como Atividade Social: o Lingüista Frente ao Desafio de Apreender a Complexidade dos Diferentes Modos de Habitar o Mundo. Revista SIGNUM: Estudos da Linguagem, v. 11, n. 1, 75-92, 2008.

EVANS, Sandra et al. Menschen - Kursbuch. Ismaning: Hueber Verlag, 2012.

FERREIRA, Mergenfel A. Vaz; STANKE, Roberta Cristina Sol. Práticas colaborativas na formação de professores em contexto extensionista e pandemia: reflexões e perspectivas.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do Poder. 22. ed. São Paulo: Graal, 2006 (1970-1979).

FOUCAULT, Michel. Em defesa da sociedade: curso no Collège de France (1975-1976). São Paulo: Martins Fontes, 1999.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir. 25. ed. Petrópolis: Vozes, (2002 [2014]).

FUNK, Hermann; KUHN, Christina. Studio 21- Grundstufe: A1: Gesamtband - Das Deutschbuch. Berlin: Cornelsen, 2013.

FUNK, Hermann et al. Studio d A1 Deutsch als Fremdsprache. Cornelsen (2007).

MAINGUENEAU, D. Iniciação aos métodos de análise do discurso. Paris: Hachette, 1976.

MAINGUENEAU, D. Nouvelles Tendances en Analyse de Discours. Novas tendências em Análise do Discurso. Tradução de Freda Indursky. Campinas: Pontes, (1984 [1987]).

ROCHA, Décio; DEUSDARÁ, Bruno; ARANTES, Poliana. “Aula remota”: um hipônimo do gênero aula ou um novo gênero de atividade? In: ROCHA, D.; DEUSDARA, Bruno.; ARANTES, Poliana.; PESSOA, Morgana. (Org.). Em discurso 3 — Pesquisar com gêneros discursivos: interrogando práticas de formação docente. Rio de Janeiro: Cartolina, 2020, 47-65.

ROSCHEL, Elaine. 'Entre “becos sem saídas' e o 'pulo do gato': Criatividade Local e Mentoria na formação inicial de professores de alemão no Brasil. Tese de Doutorado. Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, 2022.

UPHOFF, Dörthe; ARANTES, Poliana C. C. O ponto cego da autonomia: reflexões sobre o ensino de alemão no curso de Letras. In: SAVEDRA, Mônica; FERREIRA, Mergenfel; BOLACIO, Ebal; STANKE, Roberta (Org.). Travessias, encontros, diálogos nos estudos germanísticos no Brasil. Niterói: EdUFF, 2021.

UPHOFF, Dörthe. O caráter institucional do uso do livro didático no ensino de língua estrangeira. Intercâmbio, v. XVII, 131-141, 2008.

UPHOFF, Dörthe. DaF, DaZ, DaT, Língua Adicional: Wissensordnungen und Subjektpositionen in der Didaktik des Deutschen als Nicht-L1. Pandaemonium Germanicum, v. 24, 38-65, 2021.

VAN DIJK, Teun A. Discurso e Poder. HUFFNAGEL, Judith; FALCONE, Karina (Org.). 2. ed. São Paulo: Contexto, (2008 [2018])

WOLF, Dagny Urte. A especificidade do público alvo e dos aprendizes no contexto brasileiro de ensino de alemão como le em relação á fonética e a exercícios de pronúncia: uma pesquisa sobre a adaptação do material didático de fonética com consideração especial de fatores específicos de aprendizes brasileiros' 25/09/2017 207 f. Mestrado em LETRAS Instituição de Ensino: UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ, Curitiba Biblioteca Depositária: Biblioteca Central da UFPR.

WINTER DA SILVA. Christina. Textos escritos por moradores de rua no ensino de alemão em contexto universitário. Anais do 1º Congresso da Associação Brasileira de Estudos Germanísticos (ABEG). USP São Paulo, 2015.

Downloads

Publicado

2022-07-12

Como Citar

ARANTES, P. C. C.; CASPARY, R. L. F. Atividades didáticas de ensino de alemão em contexto remoto emergencial: análise do poder e propostas de ação para a reflexão crítica . Pandaemonium Germanicum, São Paulo, v. 25, n. 47, 2022. DOI: 10.11606/1982-8837254764. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/pg/article/view/199744. Acesso em: 7 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê: Ensino remoto de língua alemã - sobre aprendizagens e perspectivas