Uma feminista marxista: entrevista com Maria Lygia Quartim de Moraes

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2176-8099.pcso.2021.193516

Palavras-chave:

Maria Lygia Quartim de Moraes

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Danielle Tega

Danielle Tega é professora na Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul– UEMS e pesquisadora associada aoCentro Latino-Americano de Estudos em Cultura – CLAEC. E-mail: dani.tega@uol.com.br. ORCID: https://orcid.org/0000-0001-8607-7188.

Referências

BUTLER, Judith (2018). Corpos em aliança e a política das ruas: notas para uma teoria performativa de assembleia. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira.

FERNANDES, Florestan (2005 [1975]). A Revolução Burguesa no Brasil: ensaio de interpretação sociológica. 5ª ed. São Paulo: Globo.

HAIDER, Asad (2019). Armadilhas da identidade: raça e classe nos dias de hoje. São Paulo: Veneta.

MORAES, Maria Lygia Quartim de (2017). Marxismo, psicanálise e o feminismo brasileiro. Campinas: Unicamp/IFCH, Coleção Trajetórias n.9, 2v.

OLIVEIRA, Francisco (1981 [1972]). A economia brasileira: crítica à razão dualista. Petrópolis: Vozes/Cebrap.

SCHWARZ, Roberto et al (2017). Nós que amávamos tanto O Capital: leituras de Marx no Brasil. São Paulo: Boitempo Editorial.

WOOLF, Virginia (2004). Um teto todo seu. 2ª ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

Downloads

Publicado

2021-12-22

Como Citar

Tega, D. . (2021). Uma feminista marxista: entrevista com Maria Lygia Quartim de Moraes. Plural, 28(2), 203-222. https://doi.org/10.11606/issn.2176-8099.pcso.2021.193516