[1]
M. Camurça, “Conservadores x progressistas no espiritismo brasileiro: tentativa de interpretação histórico-hermenêutica”, Plural (São Paulo, Online), vol. 28, nº 1, p. 136-160, jul. 2021.