DISCURSO E POLÍTICAS AMBIENTAIS BRASILEIRAS E BOLIVIANAS APLICADAS A GRANDES OBRAS INFRAESTRUTURAIS

Autores

  • Suzana Cristina Lourenço Programa Interunidades em Integração da América Latina. Universidade de São Paulo.
  • Luciana Riça Mourão Borges Departamento de Geografia. Universidade de São Paulo.

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1676-6288.prolam.2012.82505

Palavras-chave:

América do Sul, Política territorial.

Resumo

Lançando mão da premissa que as relações políticas e econômicas se expressam no
território e nos biomas nele inseridos, o presente artigo procurou contrastar as diferentes realidades
de políticas públicas ambientais entre Brasil e Bolívia, traçando os pontos de convergência
e analisando como estas se relacionam com o discurso da Iniciativa para a Integração da
Infraestrutura Regional Sul-Americana (IIRSA). Conclui-se que a estrutura política ambiental
em ambos os países não é favorável à participação social nos processos decisórios ambientais,
aumentando os conflitos socioambientais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-12-01

Como Citar

Lourenço, S. C., & Borges, L. R. M. (2012). DISCURSO E POLÍTICAS AMBIENTAIS BRASILEIRAS E BOLIVIANAS APLICADAS A GRANDES OBRAS INFRAESTRUTURAIS. Brazilian Journal of Latin American Studies, 11(21), 61-76. https://doi.org/10.11606/issn.1676-6288.prolam.2012.82505

Edição

Seção

Artigos