Resistir no céu, viver na Terra. Awá-Guajá. Crônicas de Caça e Criação, de GARCIA, Uirá

Autores

  • Paulo Büll Doutorando em Sociologia e Antropologia pelo Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia e graduando em Direito pela Faculdade Nacional de Direito / Universidade Federal do Rio de Janeiro https://orcid.org/0000-0002-6651-2071

DOI:

https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2020.171109

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

COELHO DE SOUZA, Marcela. 2002. O traço e o circulo: o conceito de parentesco entre os jê e seus antropólogos. Rio de Janeiro, tese de doutorado, Universidade Federal do Rio de Janeiro.

COSTA, Luiz. 2017. The Owners of Kinship: Asymmetrical Relations in Indigenous Amazonia. Chicago, Hau Books.

CORSÍN JIMENEZ, Alberto & WILLERSLEV, Rane. 2007. “An anthropological con- cept of the concept’: reversibility among the Siberian Yukaghirs”. Journal of the Royal Anthropological Institute, v.13, n.1: 527-544.

FAUSTO, Carlos. 2008. “Donos Demais: propriedade e maestria na Amazônia”, Mana, v.14, n.2: 329-66.

STRATHERN, Marylin. [1988] (2006).O gênero da dádiva: problemas com as mulheres e problemas com a sociedade na Melanésia. Campinas, Ed. da Unicamp.

VANDER VELDEN, Felipe Ferreira. 2012. Inquietas companhias: Sobre os animais decriação entre os Karitiana. São Paulo,Ed. Alameda.

VIVEIROS DE CASTRO, Eduardo. 2002. “O problema da afinidade na Amazônia”. In VIVEIROS DE CASTRO, Eduardo, A Inconstância da Alma Selvagem e Outros Ensaios de Antropologia. São Paulo, Cosac & Naify, pp. 87-180.

VERGUEIRO, Viviane. 2015. Por inflexões decoloniais de corpos e identidades de gênero inconformes: uma análise autoetnográfica da cisgeneridade como normatividade. Salvador, Dissertação de Mestrado, Universidade Federal da Bahia.

Downloads

Publicado

2020-06-16

Como Citar

Büll, P. (2020). Resistir no céu, viver na Terra. Awá-Guajá. Crônicas de Caça e Criação, de GARCIA, Uirá. Revista De Antropologia, 63(2), e171109. https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2020.171109

Edição

Seção

Críticas bibliográficas e resenhas