O candomblé (barroco) de Roger Bastide

Autores

  • Fernanda Arêas Peixoto Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2011.38602

Palavras-chave:

Roger Bastide, barroco, imagens do Nordeste místico em branco e preto, artes e arquitetura, candomblé.

Resumo

Este artigo propõe uma releitura de Imagens do Nordeste místico em branco e preto (1945), de Roger Bastide, à luz de outros textos que ele publicou na imprensa paulistana, na mesma década de 1940. Trata-se de artigos que examinam a arte popular e a arte moderna, as cidades e a arquitetura, nos quais ele esboça uma reflexão sobre o barroco brasileiro, distinta das análises sociológicas do barroco que empreendera em seus ensaios de feitio mais acadêmico. O exame desse conjunto evidencia que, desde o momento de sua chegada ao Brasil em 1938, Bastide realiza pesquisas simultâneas sobre o barroco e sobre o candomblé. Esses dois grandes temas de interesse do autor, explorados lado a lado, longe de revelarem interesses divergentes, se entrecruzam, um esclarecendo o outro. E mais: o barroco não apenas constitui uma das matérias de análise de Bastide, como fornece elementos decisivos para que ele ajuste sua visada crítica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Arêas Peixoto, Universidade de São Paulo

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (1984), mestrado em Antropologia Social pela Universidade Estadual de Campinas (1991) e doutorado em Ciência Social (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo (1998). Realizou pós-doutorado na EHESS (2006-2007), como bolsista CAPES. Professor assistente doutor da Universidade de São Paulo, com pesquisas na área da teoria antropológica e história da antropologia, com ênfases nas relações entre antropologia e literatura, antropologia e história, cultura e imaginário urbanos, antropologia dos saberes e das artes. Foi professor visitante no IHEAL/ Paris 3, cátedra Simon Bolivar, de fevereiro a junho de 2010. Membro do projeto ILICIA - Inscripciones literarias de la ciencia, Universidad de Salamanca (Proyecto concedido por la Junta de Castilla y León ).

Downloads

Publicado

2012-08-16

Como Citar

Peixoto, F. A. (2012). O candomblé (barroco) de Roger Bastide. Revista De Antropologia, 54(1). https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2011.38602

Edição

Seção

Artigos