Sopros de vida e destruição: composição e decomposição de pessoas

Autores

  • Pedro Lolli Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2013.82473

Palavras-chave:

Xamanismo, Benzimentos, Composição, Decomposição, Pessoa.

Resumo

Partindo de uma experiência etnográfica específica na região do Noroeste Amazônico, entre os Yuhupdeh, comumente referidos como Maku, pretendo refletir sobre uma questão de ordem geral – as ações de cura xamânicas ameríndias e sua relação com a composição e decomposição de pessoas. Devido à amplitude dessas práticas, o presente texto se restringe a acompanhar e analisar dois momentos etnográficos: a execução de fórmulas verbais, conhecidas regionalmente como benzimentos, e a sua transformação na forma escrita.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-12-12

Como Citar

Lolli, P. (2013). Sopros de vida e destruição: composição e decomposição de pessoas. Revista De Antropologia, 56(2), 365-396. https://doi.org/10.11606/2179-0892.ra.2013.82473

Edição

Seção

Artigos