[1]
F. Magaldi, “Nas tramas da poção mágica: psicofármacos e criatividade em um hospital psiquiátrico do Rio de Janeiro”, Rev. antropol., vol. 63, nº 2, p. e146007, jun. 2020.