1.
Rifiotis FC. “Egressos” de serviços de acolhimento institucional e políticas públicas: a “reversão figura-fundo”. Rev. antropol. [Internet]. 22 de dezembro de 2016 [citado 25 de outubro de 2021];59(3):214-38. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/ra/article/view/124818