Coexistência entre Produção e Marketing em empresas de serviço: algumas evidências empiíricas

Autores

  • Kieber F. Figueiredo Universidade Federal do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

marketing de serviços, operações de serviços, serviços

Resumo

Diversos autores têm demonstrado interesse no estudo do relacionamento entre marketing e produção em empresas industriais. De modo geral, tais estudos analisam os potenciais pontos de conflito entre aquelas duas areas e sugerem medidas no sentido de climinar os conflitos ou, pelo menos, minimizar seus efeitos. No que se refere as empresas de servigo, a literatura sobre este tópico deixa a desejar. Os estudos que fazem referência as interações entre produção e marketing normalmente limitam-se a mencionar a neccssidade de estreita cooperação entre as duas áreas funcionais de modo a satisfazer os clientes. Entre a neccssidade de colaboração e a prática corrente há um caminho a percorrer em termos de pesquisa empírica. De que forma marketing e produção convivem em empresas de serviço? Que fatores determinam a qualidade da interação entre estas duas áreas? Dado o crescente interesse que o setor de serviços vem despertando nos mundos empresarial e acadêmico, este trabalho focaliza a forma pela qual marketing e produção interagem em empresas que prestam diferentes tipos de serviços, de modo a responder questões como as acima formuladas e, também, gerar hipoteses que, em pesquisas futuras, poderão trazer mais conhecimentos sobre o assunto. A pesquisa consistiu num estudo exploratório em cinco companhias que operam na Espanha. A análise dos cinco casos conduziu a um número preliminar de conclusões e a um conjunto de hipoteses que relacionam certas caracteristicas dos sistemas prestadores de serviços com a existência, ou nao, de conflitos entre produção e marketing

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

1989-12-21

Como Citar

Figueiredo, K. F. . (1989). Coexistência entre Produção e Marketing em empresas de serviço: algumas evidências empiíricas. Revista De Administração, 24(3), 11-20. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/rausp/article/view/180247

Edição

Seção

Artigos