Bioprodução semi-contínua de xilitol em hidrolisado de bagaço de cana: efeito da suplementação nutricional

Autores

  • Walter Carvalho Escola de Engenharia de Lorena; Departamento de Biotecnologia
  • Larissa Canilha Escola de Engenharia de Lorena; Departamento de Biotecnologia
  • Silvio Silvério da Silva Escola de Engenharia de Lorena; Departamento de Biotecnologia

DOI:

https://doi.org/10.1590/S1516-93322007000100006

Palavras-chave:

Xilitol, Bagaço de cana-de-açúcar, Hidrolisado hemicelulósico, Fermentação em bateladas repetidas, Suplementação nutricional

Resumo

A bioconversão de xilose em xilitol por células de Candida guilliermondii imobilizadas em alginato de cálcio, em hidrolisado hemicelulósico de bagaço de cana-de-açúcar, foi realizada em frascos erlenmeyer no modo bateladas repetidas de fermentação. O hidrolisado foi suplementado ou não com sulfato de amônio e/ou extrato de farelo de arroz no início de cada batelada repetida. No total, seis experimentos com três bateladas repetidas cada um foram realizados, sendo as células imobilizadas reutilizadas ao final de cada batelada. Os melhores resultados foram alcançados quando o hidrolisado foi suplementado com ambos nutrientes em todas as três bateladas repetidas, resultando em concentrações de xilitol iguais a 25,9, 46,8 e 48,7 gL-1, produtividades de 0,27, 0,49 e 0,51 gL-1h-1, e rendimentos de 0,45, 0,58 e 0,55 gg-1, respectivamente. Na ausência de nutrientes, a concentração de xilitol, a produtividade e o rendimento não ultrapassaram 12,1 gL-1, 0,13 gL-1h-1 e 0.30 gg-1, respectivamente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-03-01

Como Citar

Carvalho, W., Canilha, L., & Silva, S. S. da. (2007). Bioprodução semi-contínua de xilitol em hidrolisado de bagaço de cana: efeito da suplementação nutricional. Revista Brasileira De Ciências Farmacêuticas, 43(1), 47-53. https://doi.org/10.1590/S1516-93322007000100006

Edição

Seção

Trabalhos Originais