Curvas de velocidade da altura e os parâmetros do salto pubertário de crianças e adolescentes Caririenses

Autores

  • Simonete Silva Universidade Regional do Cariri. Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
  • Duarte Freitas Universidade da Madeira. Faculdade de Ciências Sociais
  • José Maia Universidade do Porto. Faculdade de Desporto

DOI:

https://doi.org/10.11606/1807-5509201700040729

Palavras-chave:

Crescimento; Maturação; Crianças; Adolescentes; Altura.

Resumo

Apresentamos as curvas médias da distância e velocidade da altura, as idades em que ocorreram os parâmetros do salto pubertário e comparamos os valores obtidos com referências nacionais e internacionais. A amostra contém 280 crianças e adolescentes dos dois sexos que participaram do Projeto Crescer com Saúde no Cariri. Foi utilizado o modelo logístico triplo implementado no software AUXAL. As idades no take-off ocorreram aos 8.8 e 10.3 anos, a altura alcançada foi de 127.3 e 134.0 cm e a velocidade foi de 4.7 cm/ano para ambos os sexos. O pico de velocidade da altura (PVA) ocorreu aos 11.6 anos nas meninas e aos 13.6 anos nos meninos. A altura média alcançada foi de 143.5 e 154.8 cm com uma velocidade de 7.1 e 8.7 cm/ano entre meninas e meninos, respectivamente. As curvas de crescimento da altura das crianças do Cariri mostram um padrão semelhante ao observado em outros estudos. Apesar da defasagem temporal entre o presente estudo e os demais utilizados nas comparações, as idades de ocorrência do PVA, bem como os valores encontrados nos parâmetros do salto pubertário são semelhantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-12-23

Como Citar

Silva, S., Freitas, D., & Maia, J. (2017). Curvas de velocidade da altura e os parâmetros do salto pubertário de crianças e adolescentes Caririenses. Revista Brasileira De Educação Física E Esporte, 31(4), 729-739. https://doi.org/10.11606/1807-5509201700040729

Edição

Seção

Artigos