Saúde e lazer

significados da atuação profissional no campo da saúde para graduandos em educação física e cursos afins

Autores

  • Cinthia Lopes da Silva Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, SP, Brasil
  • Tomeka Robinson Hofstra University, Hempstead, NY, Estados Unidos
  • Natalia Libardi Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, SP, Brasil
  • Lucas Roberto Alves Ribeiro de Sordi Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, SP, Brasil
  • Milena Avelaneda Origuela Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, SP, Brasil
  • Rosana de Almeida e Ferreira Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba, SP, Brasil
  • Danny Valdez Texas A&M University, College Station, TX, Estados Unidos
  • Cody M. Clemens Marietta College, Marietta, OH, Estados Unidos
  • Vicent Hendershot Kent State University, Kent, OH, Estados Unidos

DOI:

https://doi.org/10.11606/1807-5509201800030391

Palavras-chave:

Atividades de lazer, Saúde, Educação em saúde, Educação física e treinamento

Resumo

O objetivo deste trabalho foi identificar e analisar os significados que graduandos em Educação Física e cursos afins atribuem à atuação profissional no campo da saúde e sua compreensão sobre lazer. Tradicionalmente, a área da Educação Física e cursos afins tem recebido forte influência das Ciências Naturais, e essa tradição tem influenciado a atuação do profissional no campo da saúde. O problema desta orientação, muitas vezes exclusivamente biomédica, é que os profissionais se deparam com um fazer profissional centrado na prescrição de exercícios e não entendem como lidar com a saúde das pessoas considerando aspectos como a subjetividade, a questão cultural, o cuidado à saúde. Como procedimentos metodológicos utilizamos revisão bibliográfica e pesquisa de campo, a partir de entrevistas semiestruturadas com estudantes de graduação em Educação Física e cursos afins brasileiros e americanos, caracterizando este estudo como qualitativo. Os resultados deste estudo indicam que os graduandos em Educação Física e cursos afins compreendem a finalidade de sua atuação relacionada à qualidade de vida, bem-estar, saúde e ausência de doença. Além disso, a maioria dos entrevistados compreende o lazer somente a partir do descanso, desconsiderando as possibilidades de diversão e desenvolvimento pessoal e social. Concluímos, portanto, que a visão dos participantes da pesquisa com relação a saúde e lazer mostrou-se ainda inicial, sendo fundamental para que tenham uma atuação profissional futura efetiva o acesso ao referencial tanto das ciências biológicas como das humanidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-09-10

Como Citar

Silva, C. L. da, Robinson, T., Libardi, N., Sordi, L. R. A. R. de, Origuela, M. A., Ferreira, R. de A. e, Valdez, D., Clemens, C. M., & Hendershot, V. (2018). Saúde e lazer: significados da atuação profissional no campo da saúde para graduandos em educação física e cursos afins. Revista Brasileira De Educação Física E Esporte, 32(3), 391-403. https://doi.org/10.11606/1807-5509201800030391

Edição

Seção

Artigos