O Museu de Anatomia Veterinária da FMVZUSP: proposta e análise de um método sistêmico e modular de planejamento e ação

  • Maurício Cândido da Silva Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Palavras-chave: museu universitário, divulgação científica, gestão de museu

Resumo

No dia 9 de setembro de 2012, a nova exposição de longa duração do Museu de Anatomia Veterinária da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo completou dois anos de existência. Este período também é marcado pela implantação de uma nova estratégia de trabalho, caracterizada por uma metodologia sistêmica e modular de planejamento e desenvolvimento de ações no museu. Este artigo tem por objetivo apresentar uma estratégia de gestão para museus universitários, com resultados e perspectivas futuras. Com isso, esperamos compartilhar nossa experiência e contribuir para a reflexão sobre essa tipologia de museus e suas perspectivas de desenvolvimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maurício Cândido da Silva, Universidade de São Paulo. Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia
Mestre e doutorando em Arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP), especialista em Museologia e responsável pela seção de preparação e conservação de peças do Museu de Anatomia Veterinária da FMVZ-USP.
Publicado
2013-05-31
Como Citar
Silva, M. (2013). O Museu de Anatomia Veterinária da FMVZUSP: proposta e análise de um método sistêmico e modular de planejamento e ação. Revista De Cultura E Extensão USP, 9, 49-63. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9060.v9i0p49-63
Edição
Seção
Artigos