Processo decisório nas cooperativas agroindustriais do Paraná: uma análise comparativa utilizando o modelo racional e o modelo político de decisão

Autores

  • Reginaldo Ferreira Barreiros Universidade Estadual de Ponta Grossa; Departamento de Zootecnia
  • Roberto Max Protil Pontifícia Universidade Católica do Paraná; Escola de Negócios
  • Vilmar Rodrigues Moreira Pontifícia Universidade Católica do Paraná; Departamento de Administração

DOI:

https://doi.org/10.11606/rco.v2i4.34718

Palavras-chave:

Cooperativismo, Processo decisório, Administração estratégica

Resumo

As cooperativas agropecuárias apresentam diferenças peculiares em relação às sociedades mercantis: são sociedades de pessoas e não de capital, e desta forma os cooperados exercem simultaneamente as funções de proprietário, cliente e fornecedor, com o conseqüente estabelecimento de relações comerciais e econômicas de diferentes naturezas e, por conta disso, surgem interesses nem sempre convergentes entre os cooperados e as cooperativas. Neste contexto, o estudo do processo decisório em nível estratégico torna-se uma tarefa não trivial, se consideradas as particularidades deste tipo de organização. Este artigo apresenta conceitos sobre o processo decisório nas organizações além de caracterizar as cooperativas agropecuárias. A partir da abordagem racional de decisão, com foco na racionalidade limitada, e do modelo político de decisão, foi desenvolvido um modelo conceitual de pesquisa compatível com o processo decisório das organizações cooperativas, e que foi validado com base em dados empíricos, coletados em vinte cooperativas agropecuárias singulares do estado do Paraná. O artigo conclui que a natureza do processo decisório é diferente entre as duas fases estudadas: a de (i) organização dos cooperados e a de (ii) posicionamento das cooperativas no mercado. Se comparadas as duas fases, (i) se aproxima mais do modelo racional, enquanto (ii) é mais fortemente aplicado na fase de organização dos cooperados, embora nessa fase também predominem aspectos do modelo racional. Essa conclusão, associada à outra análise que indicou a independência e complementaridade das dimensões política e da racionalidade limitada no processo decisório, contribui para a validação do método de análise proposto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-12-01

Como Citar

Barreiros, R. F., Protil, R. M., & Moreira, V. R. (2008). Processo decisório nas cooperativas agroindustriais do Paraná: uma análise comparativa utilizando o modelo racional e o modelo político de decisão . Revista De Contabilidade E Organizações, 2(4), 3-22. https://doi.org/10.11606/rco.v2i4.34718

Edição

Seção

Artigos