[1]
A. Carneiro e A. Barros, “Uso de documentos para narrar a história de organizações: reflexões e experiências”, Rev. contab. organ., vol. 11, nº 30, p. 14-23, set. 2017.