[1]
S. Lemes e L. M. M. Nogueira, “Estudo do nível de comparabilidade dos ajustes parciais em USGAAP e BRGAAP”, Rev. contab. organ., vol. 2, nº 3, p. 19-36, ago. 2008.