Detecção de Stepping-Stones para Planejamento da Conectividade na Escala Local-Regional

Autores

  • Marcos Roberto Martines Universidade Federal de São Carlos
  • Rogério Hartung Toppa Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.11606/rdg.v35i0.137804

Resumo

A detecção de habitats para o planejamento da conectividade em escala local e regional é essencial para a conservação da biodiversidade, especialmente em uma variedade de diferentes tipos de uso da terra, como na Mata Atlântica. Este artigo apresenta um modelo baseado no uso de métricas de paisagem e características do ambiente físico, com procedimentos fundamentados no AHP, uso do custo da matriz e análise espacial para a detecção de fragmentos florestais que podem atuar como stepping-stones. Essa modelagem pode ser realizada para diferentes cenários de movimentação de espécies na paisagem, e o planejamento pode ser direcionado de acordo com uma proposta de manejo em relação ao comportamento das espécies-alvo que se pretende conservar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Roberto Martines, Universidade Federal de São Carlos

Geografia Físisca. Cartografia e Geoprocessamento

Downloads

Publicado

2018-07-24

Como Citar

Martines, M. R., & Toppa, R. H. (2018). Detecção de Stepping-Stones para Planejamento da Conectividade na Escala Local-Regional. Revista Do Departamento De Geografia, 35, 49-57. https://doi.org/10.11606/rdg.v35i0.137804

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)