Análise das transformações morfodinâmicas em sítio urbano: o caso da Vila Augusta - Região Metropolitana de Porto Alegre - RS

Autores

  • Moisés Ortemar Rehbein
  • Nina Simone Vilaverde Moura Fujimoto

DOI:

https://doi.org/10.7154/RDG.2010.0020.0006

Palavras-chave:

Morfogêneses, Transformações morfodinâmicas, Inundações, Estudo de caso.

Resumo

A Vila Augusta, localizada na periferia da Região Metropolitana de Porto Alegre/RS, freqüentemente é afetada por inundações. Para embasar o fenômeno das inundações e criar elementos de reflexão sobre a eficiência das medidas preventivas adotadas na Vila Augusta, foram desenvolvidas atividades de interface gabinete-campo, de levantamentos bibliográficos, produção de documentos cartográficos, vistorias e entrevistas sobre área de estudos que, especialmente embasadas em ROSS (1992) e FUJIMOTO (2001), objetivaram análises de transformações morfodinâmicas, associadas às intervenções antrópicas, nos padrões de formas semelhantes do relevo da bacia hidrográfica em que se insere a Vila. As intervenções sócio-ambientais, na Vila e em sua bacia hidrográfica de inserção, alteram dinâmicas naturais e inserem outros ritmos ao ambiente, sobretudo, com relação aos processos de erosão e deposição, intensificando-os. As tentativas de resolução das inundações na Vila estão centradas em intervenções infra-estruturais junto aos canais fluviais que a drenam. Todavia, tratam-se as inundações de fenômenos que reflexos das transformações morfodinâmicas no contexto das vertentes da bacia hidrográfica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-04-13

Como Citar

Rehbein, M. O., & Fujimoto, N. S. V. M. (2011). Análise das transformações morfodinâmicas em sítio urbano: o caso da Vila Augusta - Região Metropolitana de Porto Alegre - RS. Revista Do Departamento De Geografia, 20, 77-91. https://doi.org/10.7154/RDG.2010.0020.0006

Edição

Seção

Artigos