ANÁLISE MORFOMÉTRICA E MORFOTECTÔNICA DO GRÁBEN DO RIO MAMANGUAPE E ADJACÊNCIAS, BORDA ORIENTAL DO ESTADO DA PARAÍBA, BRASIL

Autores

  • Max Furrier Furrier Universidade Federal da Paraíba
  • Wesley Ramos Nóbrega
  • Alexandre dos Santos Souza Universidade Federal da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.11606/rdg.v28i0.474

Palavras-chave:

Gráben do rio Mamanguape, Formação Barreira, Tabuleiros Litorâneos.

Resumo

O presente trabalho está fundamentado na utilização de três cartas topográficas na escala 1:25.000, que estão localizadas na borda oriental do estado da Paraíba, região Nordeste do Brasil. Com essa escala de detalhe, tornou-se possível um mapeamento inédito do gráben do rio Mamanguape, em seu médio e baixo curso. Inicialmente, a vetorização das cartas topográficas possibilitou a elaboração dos mapas temáticos e do Modelo Digital do Terreno (MDT), por meio dos quais obteve-se uma percepção particularizada de toda a configuração morfológica da área de estudo, que apresenta diferenças altimétricas discrepantes entre suas bordas norte e sul, percorrendo toda a adjacência do gráben. O relevo da área apresenta vertentes em ombreiras ou shoulders, padrões assimétricos das redes de drenagem, orientações anômalas, inflexões bruscas de vários canais fluviais e recuos acelerados de cabeceiras de drenagem. Essas características atestam para um controle morfotectônico da área, haja vista que apenas o fator climático impossibilitaria o padrão morfológico encontrado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-02-02

Como Citar

Furrier, M. F., Nóbrega, W. R., & Souza, A. dos S. (2015). ANÁLISE MORFOMÉTRICA E MORFOTECTÔNICA DO GRÁBEN DO RIO MAMANGUAPE E ADJACÊNCIAS, BORDA ORIENTAL DO ESTADO DA PARAÍBA, BRASIL. Revista Do Departamento De Geografia, 28, 25-38. https://doi.org/10.11606/rdg.v28i0.474

Edição

Seção

Artigos