Estratégias de desenvolvimento do setor de saneamento básico a partir de estudo comparado

  • Vinicius Marques de Carvalho Conselho Administrativo de Defesa Econômica
Palavras-chave: Federação, Gestão, Privatização, Regulação, Saneamento Básico

Resumo

Este artigo analisa as implicações da dimensão intergovernamental ou federativa para a gestão e regulação dos serviços de saneamento básico no Brasil, a partir de um estudo comparado. Com base no exemplo francês, o estudo aborda os elementos estruturantes que garantem sustentabilidade territorial à gestão dos serviços de saneamento e suas possíveis implicações para a conformação da participação privada no setor. Trata-se de um ponto de partida para compreender o papel que o setor privado pode exercer na gestão desses serviços. Acredita-se que tal perspectiva é necessária para dimensionar, tendo em vista as iniciativas de redefinição do modelo de gestão do setor no Brasil, os dilemas que podem emergir da intensificação da participação de empresas privadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2010-10-01
Como Citar
Carvalho, V. (2010). Estratégias de desenvolvimento do setor de saneamento básico a partir de estudo comparado . Revista De Direito Sanitário, 11(2), 60-88. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9044.v11i2p60-88
Seção
Artigos Originais