ENTENDENDO E IMPLANTANDO UM SISTEMA DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA

  • Fernando Carvalho de Almeida Faculdade de Economia e Administra¸cão da Universidade de São Paulo (FEA-USP), São Paulo, SP, Brasil
  • Patricia Hirata Faculdade de Economia e Administra¸cão da Universidade de São Paulo (FEA-USP), São Paulo, SP, Brasil

Abstract

Este artigo explora um processo de inteligência competitiva, voltado para monitorar o  ambiente externo por meio do uso de sinais fracos, a fim de antecipar oportunidades e ameaças. Este trabalho apresenta um estudo comparativo que descreve a implantação de dispositivos de monitoramento por meio do método proposto por Lesca (2003) e Lesca e Lesca (2011, 2014) em duas empresas estrangeiras – americana e francesa – situadas em um contexto brasileiro. O objetivo do artigo é explorar processos de inteligência competitiva e compreender, por meio de estudos de caso, quais as principais variáveis que influenciaram a sua implantação. No decorrer da análise, alguns fatores se destacaram pelos seus impactos na adoção do método, como: planejamento simples e organização clara, alinhamento de informação entre os participantes, formação de um comitê de implantação, entre outros. Já os fatores-chave para o sucesso do processo são: geração efetiva de inteligência, apoio da alta administração, adaptabilidade e disciplina. Finalmente, o método usado demonstrou ser eficaz, gerou resultados significativos para as empresas estudadas. Os resultados para as companhias que implantaram o método variam desde a melhoria na comunicação da estratégia da empresa, a extensão da rede de contatos internos do grupo, a dotação de base para administração do conhecimento e o maior conhecimento dos negócios até assuntos que envolvem a empresa, a estratégia orientada para ação e o tempo de qualidade para discussão da estratégia de longo prazo.

Downloads

Download data is not yet available.
Published
2016-09-21
How to Cite
Almeida, F., & Hirata, P. (2016). ENTENDENDO E IMPLANTANDO UM SISTEMA DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA. REGE Revista De Gestão, 23(2), 111-122. https://doi.org/10.1016/j.rege.2014.12.001
Section
Tecnologia da Informação