Cartografias da derrota: rememorações marxistas e melancolia política

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.rh.2021.176817

Palavras-chave:

História contemporânea, História do Marxismo, História intelectual

Resumo

Resenha do livro: TRAVERSO, Enzo. Melancolia de esquerda: marxismo, história e memória. Belo Horizonte/Veneza, Editora Âyiné, 2018. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Deni Ireneu Alfaro Rubbo, Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul

Doutor em Sociologia pelo Programa de Pós-Graduação de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (FFLCH/USP), professor de Ciências Sociais e do Programa de Mestrado de Ensino de História na Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS). É coorganizador de Espectros de Mariátegui na América Latina (Lutas Anticapital, 2020). 

Danielle Tega, Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul

Doutora em Sociologia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) com pós-doutorado pelo Núcleo de Estudos de Gênero – Pagu (UNICAMP). Professora de Ciências Sociais na Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS). Autora de Tempos de dizer, tempos de escutar: testemunhos de mulheres no Brasil e na Argentina (Intermeios/FAPESP, 2019). 

Referências

BENSAÏD, Daniel. Marx, o intempestivo: grandezas e misérias de uma aventura crítica. Rio

de Janeiro: Civilização Brasileira, 1999.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. Volume 1: Introdução ao estudo da filosofia.

A filosofia de Benedetto Croce. 5a. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

TRAVERSO, Enzo. Melancolia de esquerda: marxismo, história e memória. Belo Horizonte/

Veneza: Âyiné, 2018.

TRAVERSO, Enzo. Le marxisme libertaire de Michael Löwy. In: DELECROIX, Vicent;

DIANTEILL, Erwan. (orgs.). Cartographie de l’utopie. L’ouvre indisciplinée de Michael

Löwy. Paris: Sandre Actes, 2012, pp. 27-38.

Downloads

Publicado

2021-05-10

Edição

Seção

Resenhas