Juifs et païens dans le monde gréco-romain

Autores

  • Mireille Hadas-Lebel Institut National des Langues et Civilisations Orientales

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i129-131p140-152

Palavras-chave:

Antigüidade Greco-Romana, judaísmo, racismo, anti-semitismo, religião

Resumo

O anti-semitismo existiu na sociedade pagã antes de desenvolver-se no seio do cristianismo? Os judeus, cujo monoteísmo os isolava do meio ambiente, constituiram frequentemente minorias ameaçadas entre os pagãos; no entanto - e apesar de suas revoltas contra Roma - seu culto recebeu a proteção das leis romanas até o começo do império cristão. A imagem do judeu na literatura greco-romana que aparece a partir do III século está bem longe de ser uniformemente negativa. No I século, é preciso distinguir a irritação dos romanos tradicionais diante do proselitismo judeu e as calúnias dos Alexandrinos suscitadas pela pretenção dos judeus à cidadania. Apesar do conflito religioso fundamental, não há nada da obsessão criada mais tarde pelo ódio teológico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

1994-12-30

Edição

Seção

Artigos