Pelos sertões" estão todas as utilidades": Trocas e conflitos no sertão amazônico (Século XVII)

Autores

  • Rafael Chambouleyron Universidade Federal do Pará; Faculdade de História
  • Monique da Silva Bonifácio Universidade Federal do Pará; Faculdade de História
  • Vanice Siqueira de Melo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i162p13-49

Palavras-chave:

Amazônia, século XVII, tropas de guerra, tropas de resgate, sertão

Resumo

O objetivo deste texto é examinar duas formas de se entrar pelo sertão amazônico no período colonial: as tropas de guerra e de resgate de índios. Partimos do pressuposto de que essas tropas constituíam, desde a sua organização, um momento privilegiado de trocas e de embates, muito particular ao universo da Amazônia colonial. Mais ainda, as tropas que entravam ao sertão para escravizar não só se tornaram mecanismo fundamental de aquisição de mão-de-obra, como também permitiram a" internação" do próprio domínio português sobre o território.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-06-30

Edição

Seção

Artigos