Poder e autoridade inquisitorial: a atuação dos familiares do santo ofício nas minas setecentistas

Autores

  • Aldair Carlos Rodrigues Universidade de São Paulo; Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9141.v0i162p51-72

Palavras-chave:

familiares do Santo Ofício, Inquisição, Minas colonial

Resumo

Este artigo analisa a atuação dos familiares do Santo Ofício nas Minas setecentistas. Que papel eles desempenhavam? Como esses agentes lidavam com a autoridade inquisitorial de que eram investidos? Como a população colonial lidava com essa ramificação capilar da Inquisição de Lisboa?

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

2010-06-30

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

RODRIGUES, Aldair Carlos. Poder e autoridade inquisitorial: a atuação dos familiares do santo ofício nas minas setecentistas. Revista de História, São Paulo, n. 162, p. 51–72, 2010. DOI: 10.11606/issn.2316-9141.v0i162p51-72. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/19151.. Acesso em: 19 jun. 2024.