O uso do canabidiol (CBD) no tratamento da doença de Parkinson e suas comorbidades

Autores

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v98i1p46-52

Palavras-chave:

Doença de Parkinson, Canabinóides, Canabidiol

Resumo

Fundamento: A doença de Parkinson (DP) é um transtorno neurodegenerativo crônico caracterizado por sintomas motores (bradicinesia, tremores, rigidez) e não motores (transtornos psicóticos, do humor e do sono). Os tratamentos farmacológicos disponíveis não são eficazes para uma parcela significativa dos pacientes. Pesquisas recentes sugerem que o fitocanabinóide canabidiol (CBD) poderia ser eficaz no tratamento de alguns sintomas da DP. Objetivos: Revisar os estudos pré-clínicos e clínicos dos efeitos do CBD nos sintomas da DP. Métodos: Revisão narrativa dos principais estudos básicos e clínicos sobre os efeitos do CBD nos sintomas da DP. Devido ao número pequeno de estudos clínicos, pesquisas com outros canabinóides também foram incluídas. Resultados: No total, 15 artigos foram incluídos na revisão: 5 estudos pré-clínicos envolvendo a administração de CBD e 10 estudos com pacientes envolvendo a administração de diferentes canabinóides (maconha, nabilona, CBD). A maioria dos estudos básicos mostraram um efeito positivo do CBD em comportamentos ou alterações bioquímicas relacionadas à DP. Estudos observacionais e clínicos com uso de maconha fumada, extrato oral de maconha, nabilona (canabinóide sintético) e CBD sugerem que estes canabinóides podem reduzir sintomas motores (bradicinesia, tremores, rigidez) e não motores (transtornos psicóticos, do humor e do sono, qualidade de vida) da DP. Além disso, são substâncias bem toleradas e com poucos efeitos adversos significativos. Conclusão: Embora o CBD tenha demonstrado resultados favoráveis tanto em estudos pré-clínicos como em estudos clínicos, estas evidências ainda não são suficientes para indicar o uso deste canabinóide em pacientes com distúrbios do DP. Novos estudos controlados devem ser realizados com diferentes dosagens de CBD para replicar estes dados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael G. dos Santos, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Department of Neurosciences and Behavior, Ribeirão Preto Medical School, University of São Paulo, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil. National Institute of Science and Technology – Translational Medicine, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil.

Jaime E. C. Hallak, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Department of Neurosciences and Behavior, Ribeirão Preto Medical School, University of São Paulo, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil. National Institute of Science and Technology – Translational Medicine, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil.

José Alexandre S. Crippa, Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo

Department of Neurosciences and Behavior, Ribeirão Preto Medical School, University of São Paulo, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil. National Institute of Science and Technology – Translational Medicine, Ribeirão Preto, São Paulo, Brazil

Downloads

Publicado

2019-04-24

Como Citar

Santos, R. G. dos, Hallak, J. E. C., & Crippa, J. A. S. (2019). O uso do canabidiol (CBD) no tratamento da doença de Parkinson e suas comorbidades. Revista De Medicina, 98(1), 46-51. https://doi.org/10.11606/issn.1679-9836.v98i1p46-52

Edição

Seção

Artigos de Revisão/Review Articles