[1]
J. O. Mattos e E. de Campos, “Linfangiomas da mama: a proposito de um caso”, Rev. Med. (São Paulo), vol. 24, nº 76, p. 38-43, abr. 1940.