[1]
M. L. L. Condé, “A gramática da história:: Wittgenstein, a pragmática da linguagem e o conhecimento histórico”, Intelligere, nº 6, p. 10, dez. 2018.