Identificação das áreas verdes no distrito da Barra Funda, para a proposta do parque linear Brás-Lapa e sua contribuição para uma infraestrutura verde na cidade de São Paulo

Autores

  • Neila Custódio
  • Ursula Brinker

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2179-2275.v0i5p94-116

Palavras-chave:

Parque Linear Brás-Lapa, ilha de calor, microclima, áreas verdes

Resumo

A partir da proposta da disciplina de Projeto Sustentável para um Parque Linear Brás-Lapa, analisamos o distrito da Barra Funda (município de São Paulo), sua formação histórica, e a proposta do Plano Diretor Estratégico Regional da Lapa (PDER). Levantamos as áreas verdes existentes e sua relação com os aspectos de microclima/ilha de calor da localidade, assim como a importância dos usos do distrito hoje e suas tendências. Descrevemos os benefícios da vegetação urbana, especificamente a arborização viária, para o ecossistema dessa região. A partir das análises, levantamos algumas hipóteses, alterando a configuração de algumas ruas importantes, como forma de agregar valor ao distrito da Barra Funda, por meio do desenvolvimento de um plano para uma infraestrutura verde interligando corredores, e caminhos verdes ligando ao parque proposto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Neila Custódio

Arquiteta e urbanista formada pela Universidade Braz Cubas. Trabalha no Metrô, na área de Projeto com Paisagismo e Urbanização

Ursula Brinker

Arquiteta e urbanista formada pela Universidade Federal da Bahia

Downloads

Publicado

2012-12-20

Como Citar

Custódio, N., & Brinker, U. (2012). Identificação das áreas verdes no distrito da Barra Funda, para a proposta do parque linear Brás-Lapa e sua contribuição para uma infraestrutura verde na cidade de São Paulo. Revista LABVERDE, (5), 94-116. https://doi.org/10.11606/issn.2179-2275.v0i5p94-116