Infraestrutura verde para as mudanças climáticas no C40

  • Maria de Assunção Ribeiro Franco
  • Vera Cristina Osse
  • Volker Minks
Palavras-chave: infraestrutura verde, mudanças climáticas, arborização urbana, floresta urbana, resiliência urbana

Resumo

Atualmente, em todo o mundo, as cidades se preparam para as mudanças climáticas. O presente artigo trata da experiência do encontro C40, realizado em São Paulo em meados de 2011 e promovido pela Prefeitura, que reuniu dezenas de cidades do mundo inteiro para discutir estratégias para o enfrentamento do problema com várias abordagens como: o uso de energias renováveis, gestão do lixo, mobilidade urbana e arborização urbana entre outras. Os autores deste artigo foram convidados a participar do evento como consultores e relatores da Sessão 3 – Arborização e Floresta Urbana – trabalho que resultou num texto sobre o assunto, o qual gerou o presente artigo. Na sessão Arborização e Floresta Urbana foram apresentadas iniciativas de incremento
de áreas verdes adotadas por cidades de quatro países diferentes - Rússia, Chile, Nigéria e Etiópia - os quais se fizeram presentes, respectivamente, por meio de representantes das cidades de Moscou, Santiago, Lagos e Adis Abeba; todos reunidos com um mesmo objetivo principal: a adaptação das cidades às mudanças climáticas. No encontro, ficou patente, que o plantio de árvores está entre as principais ações de adaptação das cidades, com a finalidade de melhorar a infraestrutura verde e enfrentar o problema das “ilhas de calor” e do “aquecimento global”. O plantio dá-se principalmente nos parques, praças, nos espaços verdes das vias e na criação e recuperação de florestas. Além dessas, outras treze cidades têm planos semelhantes, referentes à criação ou expansão de cinturões e áreas verdes. Tendo como exemplo as medidas adotadas por essas quatro cidades do C40, e após uma discussão e reflexão pós-encontro, esta equipe faz, no final deste relato, uma conclusão e algumas recomendações, visando a consolidação de uma infraestrutura verde para a cidade de São Paulo, para promover sua resiliência urbana às mudanças climáticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria de Assunção Ribeiro Franco

É Professora Titular do Departamento de Projeto da FAUUSP. Coordena o Laboratório LABVERDE, e é editora da REVISTA LABVERDE, na mesma instituição. Atualmente presta consultoria em Planejamento e Desenho Ambiental e Infraestrutura Verde.

Vera Cristina Osse

É Professora Doutora em Estruturas Ambientais Urbanas pela FAUUSP e leciona atualmente na FAU–Mackenzie. Trabalha como autônoma em projetos e consultoria na área de Arquitetura e Desenho Ambiental.

Volker Minks

É engenheiro agrônomo e urbanista pela Universidade de Humboldt de Berlim. Tem trabalhado em diversos projetos de design verde, com aplicação de novas tecnologias em paredes e tetos verdes na Alemanha, Cuba, Estados Unidos e Brasil.

Publicado
2013-06-20
Como Citar
Franco, M., Osse, V. C., & Minks, V. (2013). Infraestrutura verde para as mudanças climáticas no C40. Revista LABVERDE, (6), 220-235. https://doi.org/10.11606/issn.2179-2275.v0i6p220-235
Seção
Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 3 > >>