Rítmica e relações culturais em “Minuano (Six-eight)”, de Pat Metheny

Autores

  • Luan Augusto Langaro Teixeira Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.11606/rm.v23i1.212265

Palavras-chave:

Minuano, Rítmica, Análise, Composição, Pat Metheny

Resumo

O presente trabalho procura apresentar uma análise sobre os padrões rítmicos da obra “Minuano (Six-Eight)”, dos compositores Pat Metheny e Lyle Mays, partindo do estabelecimento de uma relação com a música platina, expressa no próprio título da obra. O objeto de estudo é considerado um standard do repertório de jazz e pôde verificar-se que, em termos de literatura disponível sobre uma análise da obra, carece de uma aproximação detalhada à sua seção rítmica, bem como uma contextualização do conceito da peça em relação à sua própria composição. A análise foi executada a partir de uma observação do material musical rítmico contido na peça, através de transcrição do mesmo e de conceitos de autores como Cook (2001) e Kolinski (1960). Assim, o material musical intrínseco é utilizado como objeto de significação intercultural, tratando-se de uma análise conceitual da obra a partir de seus padrões rítmicos e concepção estética.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AROM, Simha. Polyphonies et polyrythmies d’Afrique Centrale, Paris: SELAF. 1985.

BELLEST, Christian; MALSON, Lucien. Jazz. Campinas: Papirus, 1989.

CHAVES, Celso L. G. Processo criativo e composição musical: proposta para uma crítica genética em música. In: Congresso Internacional da Associação de Pesquisadores em Crítica Genética (p. 237-245). Porto Alegre, 2012.

COOK, Nicholas. Theorizing musical meaning. Music Theory Spectrum, v. 23, n. 2, 2001, p. 170-195.

ECO, Umberto. Os Limites da Interpretação. CARVALHO, Pérola de (Trad.). São Paulo: Perspectiva, p. XIII – 19, 2004.

FRIDMAN, A.L. Conversas com a música não ocidental: da composição do século XX para a formação do músico da atualidade. Revista DAPesquisa. Vol.8, p. 355-371, Revista do centro de artes da UDESC, Santa Catarina, 2012.

GRÉSILLON, Almuth. Eléments de critique génétique. Lire les manuscrits modernes. Paris: Presses Universitaires de France. 258p. 1994.

HOENIG, Ari; WEIDENMULLER, Johannes. Intro to Polyrhythms: Contracting and Expanding Time Within Form, Vol. 01. Pacific: Mel Bay Publications, 2009.

JONES, A.M. Studies in African Music, 2 vols., Londres: Oxford University Press, 1959.

KOLINSKI, Mieczyslaw "Review of Studies in African music by A.M. Jones", The Musical Quarterly, XLVI/1, p. 105-110. 1960.

METHENY, Pat. Pat Metheny Songbook. New York. Ed. Hal Leonard, 2001

N'KETIA, J.H.K. The music of Africa, Londres: Victor Gollanz, 1975.

OLIVEIRA, Luis F. A emergência do significado em Música. Tese de Douturado, Instituto de Artes, UNICAMP. Campinas, 2010.

OSÓRIO, Helen. O Espaço Platino: fronteira colonial no século XVIII. In: CASTELLO et al (org.) Práticas de Integração nas Fronteiras: temas para o Mercosul. Porto Alegre: Editora da UFRGS, pp.110-114, 1995.

PAULI, E.; PAIVA, R.G. A polirritmia e suas derivações, associações e similaridades musicais. Revista Música Hodie, Goiânia, V.15 - n.1, p. 87-103, 2015.

PITRE-VÁSQUEZ, Edwin Ricardo; ADAMOWSKI, Fernanda. O time-line como ferramenta analítica para o samba viaduto Santa Efigênia (1978) de Adoniram Barbosa. In: XXIII Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música. Natal, 2013.

REICHEL, Heloisa Jochims; GUTFREIND, Ieda. As raízes históricas do Mercosul: a Região Platina colonial. São Leopoldo: UNISINOS, 1996. 212p.

SADIE, Stanley. Dicionário Grove de Música: edição concisa. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1994.

SANDRONI, Carlos. O Feitiço Decente: Transformações do samba no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.

SOUZA, B. Dicionário da terra e da gente do brasil. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1939.

Downloads

Publicado

2023-09-01

Como Citar

Teixeira, L. A. L. . (2023). Rítmica e relações culturais em “Minuano (Six-eight)”, de Pat Metheny. Revista Música, 23(1), 503-520. https://doi.org/10.11606/rm.v23i1.212265