[1]
Y.-A. Froner, “O trabalho de conservação e restauro do acervo destinado à exposição de longa duração do MAE: a preservação das Formas de Humanidade.”, Rev. Mus. Arqueol. Etnol., nº 7, p. 143-152, dez. 1997.