Música e cosmovisão no período Intermediário Inicial Andino: representações do papel social do antarista na cerâmica ritual mochica

Autores

  • Daniela La Chioma Silvestre Villalva Universidade de São Paulo. Museu de Arqueologia e Etnologia

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2594-5939.revmaesupl.2011.113548

Palavras-chave:

Moche - Iconografia - Antara - Música - Cosmovisão

Resumo

Visa-se elucidar o papel social do músico no período Intermediário Inicial Andino (100 a.C - 600 d.C ) com base em estudos iconográficos da cerâmica ritual mochica. São essenciais as relações dos dados com os estudos das cosmovisões ameríndias e as estruturas de poder político-religioso. As padronizações conceituais e estilísticas da cerâmica ritual nos permitem identificar unidades de significação que, possivelmente, normatizavam a semântica visual fundamentada na cosmovisão. Apresentaremos breve análise de um par de vasos em que aparecem personagens tocando antaras, classificados com o oficiantes (Makowski 1994) nos estudos iconográficos recentes

Biografia do Autor

Daniela La Chioma Silvestre Villalva, Universidade de São Paulo. Museu de Arqueologia e Etnologia

Mestranda em Arqueologia

Downloads

Publicado

2011-09-10

Como Citar

Villalva, D. L. C. S. (2011). Música e cosmovisão no período Intermediário Inicial Andino: representações do papel social do antarista na cerâmica ritual mochica. Revista Do Museu De Arqueologia E Etnologia. Suplemento, (supl.11), 139-144. https://doi.org/10.11606/issn.2594-5939.revmaesupl.2011.113548

Edição

Seção

Comunicações