Prática psiquiátrica em consultório

Autores

  • Ricardo Alberto Moreno Universidade de São Paulo
  • Doris Hupfeld Moreno Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i43p44-53

Resumo

nulo

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Alberto Moreno, Universidade de São Paulo

Coordenador do Grupo de Estudos de Doenças Afetivas (Gruda) do Instituto de Psiquiatria do Hospital da Faculdade de Medicina da USP; professor de pós-graduação do Departamento de Psiquiatria e da Pós-graduação em Ciências, área de Fisiopatologia da FMUSP.

Doris Hupfeld Moreno, Universidade de São Paulo

Mestre em Medicina e supervisora do Grupo de Estudos do Doenças Afetivas (Gruda) do Instituto de Psiquiatria do Hospital da Faculdade de Medicina da USP.

Referências

AMERICAN PSYCHIATRIC ASSOCIATION (APA). Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders. 4th ed. Washington, DC, American Psychiatric Association, 1994.

ANDRADE L. H. S. G.; GENTIL FILHO, V.; DE LOLIO, C. A.; LAURENTI, R. . “Epidemiologia dos Transtornos Mentais em uma Área Definida de Captação da Cidade de São Paulo, Brasil”, in O Uso Racional de Medicamentos Psiquiátricos: Relatório dos Centros Colaboradores da OMS no Brasil para Ensino e Pesquisa em Saúde Mental, 1997.

ANGST, J. “How Recurrent and Predictable is Depressive Illness?”, in S. A. Montgomery; F. Rouillon (eds.), Long-term Treatment of Depression. Perspectives in Psychiatry, v. 3, Wiley, Chichester, 1992, pp. 1-13.

BLAZER, D. G.; KESSLER, R. C.; McGOGNAGLE, K. A.; SWARTZ, M. S. “The Prevalence and Distribution of Major Depression in a National Community Sample: the National Comorbidity Survey”, in Am. J. Psychiatry, v. 151, 1994, pp. 979-86.

HELMAN, C. G. Cultura, Saúde e Doença. 2a ed., Porto Alegre, Artes Médicas, 1994.

LAWRIE, S. M., MARTIN, K.; McNEILL, G.; DRIFE, J.; CHRYSTIE, P. REID, A.; WU, P.; NAMMARY, S.; BALL, J. “General Practitioners’ Attitudes to Psychiatry and Medical Illness”, in Psychological Medicine 28, 1998, pp. 1.463-7.

McKEON, P. “Defeating or Preventing Stigma of Mental Illness?”, in The Lancet 352, 1998, p. 1.942.

MELEIRO, A. M. A. S. O Médico enquanto Paciente: Estudo Comparativo com Pacientes Cardíacos de Nível Universitário Internados no Instituto do Coração. Tese apresentada à Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, 1998.

MORENO, D. H. Depressão Resistente a Tratamentos: Conceito, Fatores Associados e Terapêutica. Dissertação apresentada à Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, 1995.

MORENO, R. A.; MORENO, D. H.; SOARES, M. B. M. “Psicofarmacologia de Antidepressivos”, in Rev. Bras. Psiquiatria 21: Supl. 1, pp. 24-40,1999.

OLFSON, M.; MARCUS, S. C.; PINCUS, H. A. “Trends in Office-based Psychiatric Practice”, in Am. J. Psychiatry 156, 1999, pp. 451-7.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE.Classificação de Transtornos Mentais e de Comportamento da CID-10. 10a ed., Porto Alegre, Artes Médicas, 1993.

PORTER, R.; SHAW, F.; JAMISON, K. R.; SCAMBLER, G. “Stigma of Mental Illness”, in The Lancet 352, 1998, pp. 1.049, 1.060.

Downloads

Publicado

1999-11-30

Como Citar

Moreno, R. A., & Moreno, D. H. (1999). Prática psiquiátrica em consultório. Revista USP, (43), 44-53. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i43p44-53