Mário de Andrade e a lição do modernismo

Autores

  • José de Paula Ramos Junior Universidade de São Paulo (USP)

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i94p49-58

Palavras-chave:

modernismo, Mário de Andrade, teoria, história e crítica literária, arte e realidade.

Resumo

Na célebre conferência “O Movimento Modernista”, proferida em 1942, Mário de Andrade traça um histórico do modernismo para chegar a uma avaliação do legado do movimento para a arte e para a cultura nacional. Realizada na biblioteca do Ministério das Relações Exteriores, no Rio de Janeiro, em celebração dos vinte anos da Semana de Arte Moderna, essa conferência serve de emblema para a assimilação ofi cial do modernismo, no momento em que seu esgotamento é assinalado por um de seus representantes máximos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José de Paula Ramos Junior, Universidade de São Paulo (USP)

Professor do Departamento de Jornalismo e Editoração da ECA-USP e autor de Leituras de Macunaíma: Primeira Onda (1928-1936) (Edusp/Fapesp).

Downloads

Publicado

2012-08-30

Como Citar

Ramos Junior, J. de P. (2012). Mário de Andrade e a lição do modernismo. Revista USP, (94), 49-58. https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.v0i94p49-58