[1]
F. L. Guimarães, “A crise da energia elétrica e o seu custo”, Rev. USP, nº 104, p. 83-90, mar. 2015.