[1]
B. Schnaiderman, “ Um enigma da história ”, Rev. USP, nº 87, p. 198-201, nov. 2010.