[1]
O. M. G. da Cunha, “1933: um ano em que fizemos contatos”, Rev. USP, nº 28, p. 142-163, mar. 1996.