Os desafios da pós-modernidade para o direito penal brasileiro: reflexões a partir da contribuição de Antonio Luis Chaves Camargo

Autores

  • Alamiro Velludo Salvador Netto Universidade de São Paulo. Faculdade de Direito
  • Luciano Anderson de Souza Universidade de São Paulo. Faculdade de Direito
  • Beatriz Corrêa Camargo Universidade Federal de Uberlândia. Faculdade de Direito

DOI:

https://doi.org/10.11606/issn.2318-8235.v114p139-156

Palavras-chave:

Funcionalismo, Teoria dos sistemas, Teoria discursiva do Direito, Pós-modernidade, Direito Penal

Resumo

O presente artigo propõe uma leitura do momento histórico que caracteriza o pós-finalismo no Direito Penal. Parte-se, neste intento, da concepção de pós-modernidade programaticamente apresentada por Antonio Luis Chaves Camargo ao final dos anos 90. A partir de provocações do antigo professor da FDUSP, pontua-se a contribuição da teoria dos sistemas e da teoria discursiva do Direito para esse ramo jurídico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2019-10-26

Como Citar

Salvador Netto, A. V., Souza, L. A. de, & Camargo, B. C. (2019). Os desafios da pós-modernidade para o direito penal brasileiro: reflexões a partir da contribuição de Antonio Luis Chaves Camargo. Revista Da Faculdade De Direito, Universidade De São Paulo, 114, 139-156. https://doi.org/10.11606/issn.2318-8235.v114p139-156

Edição

Seção

Trabalhos Acadêmicos