Eram os juízes mengerianos? A concepção de moeda no debate jurídico

Autores

  • Guilherme Ricken

Palavras-chave:

História do direito. História monetária. Moeda. Economia.

Resumo

O presente artigo tem por escopo apresentar as concepções de moeda subjacentes às decisões da Suprema Corte norte-americana nos Legal Tender Cases. Assim, serão delineados, primeiramente, os conceitos privado e público de moeda, para posterior cotejo com os julgados da Suprema Corte. Dessa forma, busca-se mostrar como a adoção de um ou de outro conceito influiu nas decisões sobre a constitucionalidade da legislação que introduziu o papel-moeda de curso forçado nos Estados Unidos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-12-06

Como Citar

Ricken, G. (2014). Eram os juízes mengerianos? A concepção de moeda no debate jurídico. Revista Da Faculdade De Direito, Universidade De São Paulo, 109, 683-699. Recuperado de https://www.revistas.usp.br/rfdusp/article/view/89252

Edição

Seção

Trabalhos Acadêmicos de Pós-Graduação